Skip to main content

Apesar de o seu recém-nascido parecer frágil, não tenha medo de iniciar uma rotina de massagens logo após o nascimento. A massagem frequente ajuda- vos a fortalecer os vossos laços e promove um desenvolvimento feliz e saúdavel.

Através da massagem, pode ficar a conhecer melhor a forma como o bebé comunica e terá mais ideias sobre como ajudá-lo nos primeiros meses. Você e o seu bebé irão descobrir o que é melhor para ambos. É importante ter em mente que a massagem é um ato que faz «com» o bebé, e não «para» o bebé.

Massajando o seu recém-nascido

O toque é uma forma poderosa de transmitir o seu amor ao bebé. 25 a 120 minutos de contacto pele com pele imediatamente após o nascimento pode ter um impacto positivo nas interações entre si e o seu pequenote, até um ano depois

Mãos em repouso

Se o bebé disser «sim» à massagem, comece com uma mão em repouso. Esta técnica, mãos em repouso, é usada antes de massajar qualquer zona do corpo. Também pode ser usada quando o bebé precisar de uma pausa durante a massagem. Esta é uma boa maneira de lhe proporcionar uma sensação de segurança e de fazer com que disfrute do toque.

Pernas

Antes de começar, verifique se tem óleo suficiente nas suas mãos. Nos recém- nascidos, comece a massagem pelas pernas, uma vez que é uma parte do corpo normalmente mais recetiva ao toque nos bebés. Os movimentos descendentes são mais relaxantes.
Pernas – movimentos envolventes descendentes

Com suavidade, agarre com uma mão o tornozelo do bebé. Coloque a outra mão na parte superior da coxa, envolvendo o contorno da perna e, em seguida, deslize a mão até ao tornozelo. Repita o movimento de forma firme e rítmica, porém suave, primeiro com uma mão e depois com a outra.

Pés

Geralmente os bebés adoram ser massajados nos pés. Observe as reações do bebé para estar alerta a demonstrações de sensibilidade. Uma pequena massagem nos pés pode ter um impacto positivo em todo o corpo.

Pressione e gire delicadamente, com os dedos polegar e indicador, cada um dos dedos do pé do bebé. Usando alternadamente os seus polegares, acaricie a parte superior do pé do bebé, com movimentos desde os dedos até ao tornozelo. Repita várias vezes.

Barriga

Quando o cordão umbilical estiver cicatrizado, uma massagem suave na barriga pode ajudar o bebé a fazer a digestão e a aliviar as cólicas.

Comece por estabelecer contacto com a barriga do bebé, colocando-lhe uma mão de forma relaxada e tranquilizante. Se o bebé gostar da sensação, faça massagens suaves circulares, com uma mão após a outra.

Costas

O contacto pele com pele pode fortalecer os laços entre o bebé e os pais.

Segurando o bebé contra o peito, massaje as costas do bebé começando pelo pescoço em direção ao fundo das costas.

Estes movimentos de massagens baseiam-se no manual INFANT MASSAGE: A Handbook for Loving Parents (Massagem infantil: um manual para pais que amam) de Vimala McClure, fundador do IAIM.

O IAIM é uma organização sem fins lucrativos e não promove nenhum produto.

Imprimir este guia
Depressão pós-parto e o uso do tato para comunicar e criar laços

Após o nascimento do bebé, muitas mães e alguns pais poderão sofrer de alguma forma de depressão. A depressão pós- parto leve («Baby Blues») é comum e pode fazer com que a mãe se sinta eufórica num momento e extremamente sensível logo a seguir. Normalmente desaparece após alguns dias. A depressão é uma condição mais grave e mais duradoura e pode aparecer a qualquer momento, logo após o parto ou mais tarde.

Estudos da depressão pós-parto demonstraram que as massagens podem ajudar a fortalecer os vínculos entre o bebé e os pais, promovendo o contacto visual, o contacto de pele e as interações sonoras e sensoriais.

É recomendável que aprenda mais com alguém formado em massagem infantil de modo a obter todos os benefícios. Ir a um grupo de massagem do bebé é ideal para aprender a massajar o bebé com segurança.

A Associação Internacional da Massagem Infantil (IAIM, International Association of Infant Massage) ensina os pais de todo o mundo há mais de 25 anos. Para obter mais informações, consulte a página www.iaim.net.

Criação de laços através da massagem

Mostre-lhe o quanto gosta de utilizar a primeira linguagem do bebé – o tato

Inicio